- PUBLICIDADE -

parceria entre governo e população que deu certo – Secretaria de Estado de Segurança Pública

Mais Lidas

Adriana Machado, da Ascom – SSP/DF

 

“Agora teremos um espaço para reunir a comunidade. Um espaço que vai beneficiar e reunir crianças, adultos e idosos. Essa parceria é muito especial para todos”. Esta foi a frase do morador da Estrutural, Joales Reis, ao ser questionado sobre a importância do espaço de convivência inaugurado no Setor Oeste da cidade pela Secretaria de Segurança Pública (SSP/DF), nesta terça-feira (10). De acordo com o morador, que faz parte de um instituto que atende famílias em situação de vulnerabilidade social, essa é uma demanda solicitada pela comunidade local. “Sentíamos falta de um espaço em que nos sentíssemos mais seguros e que os moradores pudessem ter um momento de lazer. Essa parceria é um presente para todos nós”, conta.

 

 

O local foi revitalizado e passou por pintura de estacionamento, instalação de conjunto de mesas e cadeiras, inauguração de Ponto de Encontro Comunitário (PEC), varrição, limpeza e plantio de palmeiras e arbustos. Uma horta também foi criada no Centro de Referência e Assistência (CRAS), que fica na frente do novo espaço de convivência.

 

A ação foi coordenada pela SSP/DF em parceria com voluntários locais, Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), Departamento de Trânsito (Detran-DF), Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), Administração Regional da Estrutural, Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (FUNAP), Companhia Urbanizadora da Nova Capital (NOVACAP), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER), Companhia Energética de Brasília (CEB) e Serviço de Limpeza Urbana – SLU.

 

A parceria entre o poder público e a comunidade foi ressaltada pelo secretário-executivo de Segurança Pública, delegado Júlio Danilo, durante a inauguração do novo espaço. “Agradeço o engajamento de todos. Somente desta forma, com todo o comprometimento dos envolvidos, poderemos desenvolver mais ações que contribuam com a qualidade de vida da população local. Por isso, é tão importante que os moradores participem ativamente e ajudem a cuidar do novo espaço”.

 

De acordo com o Subsecretário de Prevenção à Criminalidade, Manoel Arruda, a iniciativa superou as expectativas, especialmente em relação à participação da comunidade local, que contribuiu ativamente no processo de revitalização dos espaços, fortalecendo os vínculos e a sensação de pertencimento, fatores determinantes para a preservação dos novos espaços de convivência. “É importante mencionar que além dessa iniciativa inicial, o trabalho de prevenção social à violência terá prosseguimento em 2021, com projeto direcionado para adolescentes em situação de vulnerabilidade social e criminal.”

 

A participação da comunidade local no processo de revitalização do centro de convivência contribui para que todos cuidem do espaço, como afirma o administrador regional da Estrutural, Gustavo Cunha. “Essa era uma necessidade da região e a participação desde o início da revitalização contribui para que eles tenham a sensação de pertencimento, ou seja, faz com que todos se sintam parte e cuidem do espaço, que será também um ponto de entretenimento familiar”.

 

O local foi escolhido com base em análises criminais feitas pela Subsecretaria de Gestão da Informação (SGI), da SSP/DF. O objetivo é que outros locais recebam a ação, a partir do próximo ano.

Edição: João Roberto

Fonte: SSP/DF

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

Boas práticas para donos de pets – Agência Brasília

Espaços de convívio social e lazer, memória e pertencimento, as praças públicas recebem atenção especial do Governo do...
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

%d blogueiros gostam disto: