- PUBLICIDADE -

🧑‍🚒📒Bombeiros lançam cartilha sobre descarte correto de lixo  – Secretaria de Estado de Segurança Pública

Mais Lidas

Adriana Machado, da Ascom – SSP/DF

Com linguagem acessível e pedagógica, o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) lançou a cartilha “Como Separar o Lixo de Forma Correta” na última semana. O acesso ao material será de forma virtual apenas, adequando-se ao cenário atual – por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus – e também seguindo os princípios de sustentabilidade adotados pela corporação.

 

O material foi produzido pela equipe do Programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), do CBMDF. A A3P é um programa do Ministério do Meio Ambiente que tem como objetivo estimular órgãos públicos a implementarem práticas de sustentabilidade.

 

“O CBMDF é reconhecido anualmente pelo Ministério do Meio Ambiente como a primeiro Corpo de Bombeiros Verde do país, desde 2016. Desta forma, realizamos uma série de ações voltadas para esta área. O lançamento da cartilha faz parte dessa estratégia. Ela foi produzida com base em estudos e levantamentos, com textos e ilustração de nossa equipe”, explicou um dos integrantes da A3P no CBMDF, sargento Ronei Lima.

 

Cada grupamento, diretoria e centro da corporação conta com dois agentes ligados à equipe A3P. “Esse militares são os multiuplicadores das nossas ações em cada unidade do CBMDF”, explica Lima.

 

O material pode ser solicitado por escolas, públicas ou particulares, empresas e cidadãos por meio do a3pcbmdf@gmail.com.

 

Primeiro Bombeiro Verde do Brasil
No último dia 21 de junho, o CBMDF foi novamente reconhecido com título de Bombeiro Verde pelo Ministério do Meio Ambiente. O título é concedido anualmente, desde que a instituição cumpra metas estabelecidas pelo Ministério, como adotar práticas sustentáveis e ações voltadas para questões ambientais.

 

“O CBMDF foi o primeiro órgão do Governo do Distrito Federal a adotar o Sistema SEI na integralidade, reduzindo em mais de 95% o uso de papel. Outra ação que nos rendeu esse reconhecimento é a reciclagem de lixo, orgânico e seco, que é feito em parceria com cooperativas de catadores de lixo”, contou Ronei.

 

O CBMDF conseguiu adquirir dois contêineres – um para lixo orgânico e outro para o lixo reciclado – para cada Grupamento Operacional. A cartilha também foi colocada à disposição dos militares da corporação pode contribuir com a eficiente gestão dos resíduos.

 

Edição: João Roberto

Fonte: SSP/DF

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

Para oferecer novas funções, Junta Comercial ficará fora do ar – Agência Brasília

Desde que o Governo do Distrito Federal assumiu a gestão da Junta Comercial do DF, em julho do ano passado, a vida do...

Portal Goiás – Agrodefesa alerta sobre risco no uso de resíduo de origem animal na alimentação de ruminantes

Qualquer alimento ou resíduo que contenha proteína de origem animal não pode ser usado na alimentação dos ruminantes (bovinos, bubalinos, caprinos e...
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

%d blogueiros gostam disto: