- PUBLICIDADE -

Portal Goiás – Em 21 meses, forças policiais apreendem mais de 100 toneladas de drogas em Goiás

Mais Lidas

Ao longo dos 21 meses da atual gestão do Governo de Goiás, as forças de segurança apreenderam mais de 100 toneladas de drogas no Estado. Isso quer dizer que, todos os dias, cerca de 160 quilos de entorpecentes são retirados das ruas, trazendo grande prejuízo ao tráfico organizado. O balanço positivo é resultado da nova filosofia implantada pelo governador Ronaldo Caiado, baseada no tripé inteligência, integração e integridade.

Além disso, a maior liberdade concedida pelo Estado às forças de segurança, dentro dos parâmetros legais, tem contribuído para que a criminalidade não fique impune. “Um governante que se acovarda diante das facções não tem prerrogativa para governar. A sociedade precisa que as forças de segurança tenham total autonomia de ação”, destaca o governador Ronaldo Caiado. 

As diversas estratégias que vêm sendo adotadas contribuem para o desmantelamento de associações criminosas, muitas delas ligadas ao tráfico de drogas e que agiram por anos em Goiás. “Aqueles que se sentiam donos do pedaço, acima da lei e que muitas vezes tinham a prerrogativa de ameaçar as estruturas de Estado, tiveram por parte do Governo de Goiás a ação inteligente, articulada e eficiente, dentro daquilo que a lei determina, mas sem deixar com que bandido crescesse ou tomasse cada vez mais o espaço do cidadão, que não tinha tranquilidade para sair de casa”, pontua Caiado. 

O desempenho das forças policiais goianas tem sido a vitrine do reconhecimento que tem vindo, principalmente, do governo federal. “É impressionante a quantidade de elogios que nossa segurança recebe por meu intermédio”, assinala o governador. Para o titular da pasta, Rodney Miranda, as apreensões comprovam que o trabalho no combate à criminalidade está no caminho certo. “Esses dados refletem a excelência do trabalho feito pelas forças policiais”, assegura. O secretário comenta ainda que os bons resultados devem ser atribuídos à atuação conjunta entre as Polícias Militar e Civil. “Essa integração é um dos pilares da gestão Ronaldo Caiado”, garante. 

Apreensões

Durante o período de um ano e nove meses, as apreensões de drogas foram recorrentes no Estado. Apenas em uma das diversas diligências realizadas, foram seis toneladas de maconha retiradas do poder de traficantes. A ação ocorreu no dia 11 de setembro deste ano, na região Leste goiana, próximo a Cristalina. Na ocasião, equipes do Comando de Operações de Divisas (COD) da polícia militar realizavam bloqueio policial no cruzamento da GO-436 com a BR-040. Em uma das abordagens, os militares descobriram a carga de entorpecentes que estava sendo transportada em um caminhão basculante e estava escondida embaixo de um carregamento de sal mineral. 

Em outra ocorrência, também em setembro, policiais do COD e do 4º BPM apreenderam 1,5 tonelada de maconha. A apreensão foi feita durante a Operação Hórus, contra o tráfico interestadual de drogas. Os entorpecentes estavam em uma propriedade rural, às margens da GO-219, em Hidrolândia, na região Metropolitana de Goiânia. O local era utilizado por narcotraficantes para descarga, armazenamento e distribuição do material que vinham do Paraguai. Os ilícitos eram então enviados a outros estados brasileiros. Também foram apreendidos um carro e uma motocicleta. Duas pessoas que estavam na propriedade foram presas durante a operação. 

Outra ocorrência que tirou de circulação grande quantidade de droga foi durante uma operação conjunta entre as forças policiais de Goiás e do Mato Grosso do Sul, que resultou na apreensão de mais de uma tonelada de drogas, entre Chapadão do Céu (GO) e Chapadão do Sul (MS). Durante a ação, realizada no dia 19 de agosto de 2020, duas pessoas foram presas e um adolescente foi apreendido. Os entorpecentes foram localizados após troca de informações entre as Polícias Civil e Militar de Goiás, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Civil do estado vizinho. 

A carga estava em um carro de passeio e seria transferida para um caminhão, que levaria o carregamento para Uberlândia, em Minas Gerais. Dentro do veículo, as equipes encontraram 1.014 quilos de maconha, 29 quilos de skunk (supermaconha) e mais de 3 quilos de haxixe. Além das drogas, os policiais recuperaram um carro roubado e apreenderam outro veículo, que era usado no transporte dos ilícitos. Um adolescente, de 17 anos, e outros dois suspeitos foram levados para a delegacia de Chapadão do Sul.

A Polícia Civil de Goiás também tem atuado firmemente contra o tráfico entorpecentes no Estado. Apenas na última terça-feira (06/10), policiais da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc) apreenderam 200 quilos de cloridrato de cocaína, durante operação realizada em São Luís de Montes Belos, a 128 quilômetros de Goiânia. A droga, que possui alto teor de pureza, foi avaliada em R$ 10 milhões. A carga foi trazida do Mato Grosso para Goiás e estava escondida em um fundo falso, construído na carroceria de uma caminhonete. Ao todo, duas pessoas foram presas em flagrante.

Fonte: Portal Goiás

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

Portal Goiás – Em Itumbiara, Caiado destina R$ 443 mil em investimentos para Corpo de Bombeiros

O governador Ronaldo Caiado abriu sua agenda desta quarta-feira (21/10), em Itumbiara, no Sul do Estado, com...
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

%d blogueiros gostam disto: