O padre que foi assassinado por um ex-coroinha que manteve relações sexuais com ele antes de ser roubado e assassinado com 29 facadas. O padre foi encontrado morto em sua casa no dia 24 de agosto em Borborema, o suspeito tinha seduzido o padre para roubá-lo, a intimidade dos dois era muito grande.

Segundo o delegado responsável, o adolescente foi apreendido no dia 27 de agosto ele também é suspeito de participar do homicídio, o jovem afirmou que visitou o padre porque foi convidado, o rapaz que teria cometido o homicídio,falou que o religioso teria tentado transar com ele.

“A intenção deles era roubar R$ 10 mil do cofre, pois a igreja da cidade havia arrecadado muito com a festa da padroeira de Arara,cidade que pertence à paróquia de Borborema’’ afirmou o adolescente.

Após matarem o padre, eles abriram o cofre mas não encontraram o dinheiro e decidiram fugir com o celular do religioso, segundo informações um perita adiantou que há indícios  de relação sexual entre os dois (padre é suspeito).Além disso, o depoimento do adolescente bate com o cenário encontrado no dia do crime.O corpo do padre foi encontrado enrolado num lençol e havia bastante sangue em toda a casa. O carro do padre foi usado na fuga do criminoso.

POR :Lorrany Abreu

Comentários

Atenção! Os comentários do Jornal Fogo Cruzado DF são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios podem ser denunciados por outros usuários, acarretando até mesmo a perda da conta do Facebook.
COMPARTIHAR