A Secretaria-Geral da Câmara Legislativa homologou a licitação para a compra de 340 cadeiras que serão destinadas apenas aos funcionários da Casa. Cada unidade custará R$ 946,50. Em setembro do ano passado, a mesma concorrência foi cancelada pelo então secretário-geral da Casa Eduardo Dualibe, devido ao alto valor dos assentos: eles custariam, em média, R$ 1.573 cada.

Ao todo, foram homologados dez lotes de 170 cadeiras cada, mas apenas dois serão adquiridos pela Câmara. Isso significa que, mesmo em tempo de contenção de despesas públicas, o Legislativo do DF gastará um total estimado de R$ 322 mil com a renovação do estoque de assentos para servidores.

Segundo o atual secretário-geral, André Perez, o déficit na Câmara Legislativa é de 600 cadeiras. Cerca de 200 já foram recolhidas e serão substituídas. Outras 400 ainda se encontram paradas nos gabinetes por estarem relacionadas como patrimônio.

Comentários

Atenção! Os comentários do Jornal Fogo Cruzado DF são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios podem ser denunciados por outros usuários, acarretando até mesmo a perda da conta do Facebook.
COMPARTIHAR