BRASÍLIA (30/6/15) – A Unidade Básica de Saúde de Vicente Pires não será fechada. A informação foi dada aos usuários nesta terça-feira (30) pelo subsecretário de Atenção Primária à Saúde (Saps), Berardo Nunan, desmentindo alguns boatos de que os serviços seriam descontinuados.
“Fizemos uma auditoria em todos os contratos de aluguel da Secretaria de Saúde e constatamos que havia algumas irregularidades neste local onde está instalada a Unidade Básica de Saúde, entre elas o valor do aluguel que é o dobro do preço de mercado”, explicou Berardo, completando ainda que a área atual é 28 vezes maior do que a necessidade para uma unidade básica de saúde.
Em razão das irregularidades, a Secretaria de Saúde irá fazer um chamamento público para a escolha de uma nova localidade para a unidade. Enquanto isso, os pacientes não ficarão desassistidos. “Todos eles continuarão sendo atendidos durante os trâmites para a mudança e tudo que é oferecido aqui continuará sendo oferecido no novo endereço, também em Vicente Pires”, disse o subsecretário.
O objetivo da pasta é encontrar um imóvel que atenda às reais necessidades de uma unidade básica de saúde, onde seja de fácil acesso para a população de Vicente Pires. Atualmente, a Unidade Básica de Saúde de Vicente atende diariamente cerca de 300 pessoas. São dois profissionais na clínica médica atendendo em agenda aberta – sem necessidade de marcação –, além de ginecologista e pediatra e sala de vacina. Ao todo são 27 servidores. 
Ainda durante a visita à unidade, o subsecretário se juntou aos moradores e líderes comunitários para dar um abraço simbólico na unidade. Para Berardo, o gesto significa que este governo está preocupado em fortalecer o atendimento da atenção básica e que não fechará serviços, mas fará uma expansão para atender a população com mais qualidade.
​Fotografia: Brito/Saúde-DF​

Comentários

Atenção! Os comentários do Jornal Fogo Cruzado DF são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios podem ser denunciados por outros usuários, acarretando até mesmo a perda da conta do Facebook.
COMPARTIHAR